Artigos Scout PFTF

Scout PFTF – Nicolas Vichiatto

Nome:  Nicolas Vichiatto da Silva

Idade: 22 (24/02/1997)

Altura e Peso: 1,80m e 70kg

Melhor pé: Esquerdo

Naturalidade: Arapongas-PR, Brasil

Posição: Lateral-esquerdo

Clube atual: Atlético Goianiense

Dono: Athletico Paranaense

Foto: Paulo Marcos/ACG

Análise

Cria da base do Athletico Paranaense, Nicolas foi emprestado no início desse ano para outro Atlético, dessa vez o de Goiânia. Antes disso ele estreou pelo clube do Paraná aos 19 anos ainda em 2016, e de lá para cá faturou 4 títulos estaduais, sendo 3 Paranaenses e 1 Goiano.

Das 22 partidas disputadas pelo Dragão no Campeonato Brasileiro da Série B desse ano, Nicolas esteve em campo em 20 dessas e foi capaz de anotar 2 gols e gerar 2 assistências a seus companheiros. Faltando 17 rodadas para o fim da competição, a tendência é de que esse número possa crescer.

O Player For The Future de hoje é considerado um dos melhores laterais da Serie B até o momento, e de acordo com a plataforma Wyscout, especializada em monitoramento de atletas e que conta com uma vasta base de dados para usos estatísticos, o lateral de 22 anos está em primeiro lugar no quesito de melhor da posição.

Ajude-nos a crescer

Essa é uma forma de nos ajudar a melhorar. Faça uma pequena contribuição para que possamos fazer mais análises, textos e melhorar cada vez mais a quantidade (e qualidade) dos jogadores indicados.

R$5,00

O Atlético Goianiense é hoje (10/09) o vice-colocado da Série B, atrás apenas do Bragantino por 4 pontos de diferença. Abaixo alguns número que dizem respeito a como o time do Atlético-GO tem atuado:

  • Duelos defensivos: 1º colocado – 72.37 duelos por 90 min. (59% de eficácia)
  • Remates: 2º colocado – 287 remates, sendo 12.59 por 90 min. (33,4% de eficácia)
  • Cruzamentos: 3º colocado – 382 ao todo, sendo 16.75 por 90 min. (40,6% de eficácia)
  • Gols feitos: 4º colocado – 25 no total
  • Remates sofridos: 15º colocado – 252 ao todo, sendo 11.05 por 90 min.
  • Toques na área (adv.): 18º colocado – 320 ao todo, sendo 14.04 por 90 min.
  • Posse de bola: 18º colocado (46,7% média)
  • Gols sofridos: 19º colocado (junto do Figueirense, é a segunda equipe que menos gols levou) – 16 gols sofridos

Podemos entender então que o ambiente em que Nicolas está inserido faz parte de um time cuja força defensiva é bastante relevante, não prezando pela posse de bola, o time goiano prima pela objetividade dentro de campo para conseguir os resultados positivos. Muito por isso, é entendível que o jogador se destaque em algumas ocasiões e em outras não, nesse caso, estamos falando no estilo de jogo do próprio atleta.

Conclusão

Posicionamento médio e estatísticas relevantes – Nicolas (Wyscout)
Posicionamento médio e estatísticas relevantes – Fábio Santos (Wyscout)

Jogando pelo Galo, o lateral provavelmente atuaria de forma antagônica ao que é feita no Atlético-GO. O Atlético (de Minas) é hoje, um time que pouco cruza no Brasileirão (17º no quesito), especialmente com o flanco esquerdo (82 cruzamentos pela esquerda vs 132 pela direita), trabalha bem a bola com passes rápidos e inteligentes (3º, atrás apenas de Flamengo e São Paulo) e que explora a velocidade de seus homens de frente através da construção das jogadas, evitando o uso de bolas longas para tal (15ª posição). Entretanto, o jogador poderia ser uma válvula de escape para o time alvinegro em momentos de pressão adversária. Ao (buscar) melhorar alguns atributos pouco potencializados pelo Dragão de Goiás, como a quantidade e qualidade de seus passes e consequentemente, a construção de jogo, o jogador estaria acrescendo a si próprio característica que engrandeceriam seu jogo.

Legenda: PAT - cortes/opp. 30 (o termo "opp.30" significa a cada 30 posses da oposição); PAI - interseções/opp. 30; %P - porcentagem de acerto dos passes; KP/90 - passes chaves a cada 90 minutos; C/90 - cruzamentos a cada 90 minutos; %C - porcentagem de acerto dos cruzamentos; D/90 - dribles a cada 90 minutos; DR% - porcentagem de dribles com sucesso; L/SAA - índice de perdas; AD/90 - duelos aéreos a cada 90 minutos; AD% - porcentagem de duelos aéreos ganhos; F/90 - faltas a cada 90 minutos. 

Levando em consideração ambos os gráficos acima apresentados, Fábio Santos parece ser a “evolução” do jogo de Nicolas. Claro, estamos tratando de números e possibilidades e, obviamente que o camisa 6 paranaense pode ter outras características potencializadas e aumentar ainda mais os seus argumentos ofensivos (e defensivos). A contar pela sua idade, o Galo poderia fazer um processo semelhante ao realizado quando trouxe o melhor lateral-direito da Série B de 2018, nesse caso, o Guga (21) – recentemente campeão do Torneio de Toulon e convocado para a Seleção Pré-Olímpica Brasileira.

Uma possível vinda de Nicolas poderia ajudar a sanar dois problemas enfrentados atualmente pelo Atlético: a idade avançada de parte considerável do elenco, especialmente aquele que seria o seu antecessor na lateral, e a possibilidade de trabalhar um atleta para que ele possa evoluir em diferentes funções em campo e habilidades não exploradas anteriormente.

O principal problema pode vir a ser a negociação com o Athletico Paranaense, dono do passe do atleta. O Athletico possui uma lacuna enorme na defesa pelo lado em que o jogador atua, também pudera, após a venda do excelente Renan Lodi para o Atlético de Madrid o time de Tiago Nunes ainda não encontrou um substituto a altura, mesmo com as utilizações dos experientes alas Márcio Azevedo e Adriano, ex-Barcelona. A volta de Nicolas (a contar pelo excelente Campeonato que o jogador está fazendo) seria um bom acréscimo ao elenco rubro-negro para a próxima temporada. Resta saber se ele teria as chances tão aguardadas no clube que lhe formou ou se ele está pronto para um desafio em outro clube, com outra filosofia e estilo de jogo.

Comente aqui se você acredita que a contratação de Nicolas seja uma boa ideia para o elenco alvinegro e também para o desenvolvimento do atleta.

*Foto por Paulo Marcos/Ass/ACG.

0 comentário em “Scout PFTF – Nicolas Vichiatto

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: